quinta-feira, 5 de março de 2009

Concurso de Poesia 2008/2009


Este Concurso de Poesia realizou-se na Semana da Leitura e participaram alunos de 5º, 6º, 7º e 8º anos da nossa Escola.


A Natureza

Nesta tarde de beleza
Inspiração eu vou ter
E com a Natureza
Vou começar a escrever

A poesia é música
Dentro do meu coração
E com o brilho do Sol
Faz crescer a paixão

Na Natureza há amor
Alegria e dedicação
Todos contribuem para o bem
Cada qual com sua acção

Todos os pássaros nos seus ninhos
Ficam muito contentes
Ao ouvir a música do vento
Também ficam sorridentes

Nesta última quadra
Um aviso vos quero deixar
Não façam nada de mal
Para a Natureza não estragar!


(Márcia Carolina Godinho Lopes - 8º B)





A Natureza

A Natureza, que beleza!
O Sol brilha no coração.
Que bom é ouvir
Esta linda canção.
O Sol brilha no mar
Que bonito, que esplendor
Que bonita que é
Esta música do amor.
É tão bom mergulhar
Naquelas águas profundas
Lindas como os campos
E as aves coloridas…
É bonito o Sol
Que tem tanta magia.


(Samuel Alexandre Rebelo Azevedo - 5ºD)





A Natureza

O Sol
tem brilho
e beleza,
o coração
também tem
música e
muita paixão.

O sol
não tem
coração
nem paixão,
mas tem
beleza e
brilho,
mas música
não.


(Ruben André Antunes Gonçalves - 6ºE)






A Natureza

Tu és o Sol da minha vida,
És a razão do meu viver,
És a minha bela sereia
E eu não te quero perder.

A tua beleza,
É igual à beleza de uma flor,
E o teu brilho constante,
É que me dá este calor.

Tu és como a música,
Que os pássaros cantam,
És com um peixe no rio,
E és como a rosa que eu crio.

A rosa que me aquece o coração,
Com as suas lindas pétalas,
Espero que alcances sempre
As tuas lindas metas.


(Catarina Bernardino Lino - 7ºE)

2 comentários:

Graça Arrimar disse...

Acho muito interessante que a BE comece a dinamizar o seu blogue, mas é preciso que haja a colaboração dos alunos, professores e comunidade educativa em geral.
A poesia é sempre um motivo especial para se poder partilhar.
Pode-se ver como há alunos que escrevem bem e com muita sensibilidade. Vamos ajudá-los a escrever mais e melhor e fazer com que outros descubram em si o jeito e criem novos textos para o blogue da BE.
Quem sabe... se não será este, um cantinho de verdadeiras surpresas?
Até breve, voltarei com poesia!

Relojoeiro disse...

É tudo verdade, apesar de termos poucos mini-poetas, a leitura não deve ser uma obrigação mas sim um prazer! Se não fizermos alguma coisa, Portugal chega ao mundo da tristeza, porque, Ler é o melhor remédio!